Um pouco de ternura

livro-meu-pe-de-laranja-lima_MLB-F-4059014491_032013

Estava lembrando hoje desse pequeno livro que li e reli tantas vezes na minha vida. Uma história linda do nosso pequeno príncipe tupiniquim, do nosso menino sonhador. Ano passado quando saiu o filme chorei mais uma vez ao ver toda a história novamente (to quase uma manteiga derretida né gente?), mas não é isso. O que acontece é que Zezé me faz lembrar de tanta coisa, tanta coisa que a gente deixa pra trás, tanta coisa que a gente para de acreditar na vida. Parece que o mundo vai atropelando a gente a vida vai passando na janela e você lá do lado de dentro trancado(a) atrás de um vidro intransponível onde ninguém te escuta, ou vê e aí quando você menos percebe o vidro embaçou, a vida passou, a sua voz se perdeu e o teu sonho foi esquecido.

Mas existe uma cura pra isso o nome dessa cura é amigo. Amigo como o do Zezé, pode ter ele qualquer idade, pode ter ele qualquer cara ou estar em qualquer lugar do mundo, um amigo é a família que você escolhe é alguém que conversa com a tua alma, com quem você ri junto, com quem você chora junto. Um amigo é algo de sobrenatural que ninguém nunca vai entender a relação que existe entre dois amigos que é capaz de mudar qualquer situação imediatamente.

Aprendi na vida que temos que ser agradecidos todos os momentos e sinceramente um dos motivos na vida que mais me fazem ser agradecida e em momentos do meu dia ter um sorriso no rosto são os bons amigos que a vida me deu. Eles me dão todos os dias ótimos motivos para ser agradecida. E você o que faz você ser agradecido? O que faz você levantar de manhã e querer fazer o seu dia diferente?

Meu pé de laranja lima fala basicamente disso, ser agradecido, ser amigo, ser fiel, em um mundo onde tem sido tão difícil conviver com pessoas amigos são fundamentais, ternura é fundamental.

Alessandra

Anúncios

2 pensamentos sobre “Um pouco de ternura

  1. Adorei a comparação com o ‘nosso pequeno príncipe tupiniquim’ porque o Zezé é exatamente isso!!!! Tem a cara do povo brasileiro, sofrido, mas sempre com um sonho no coração, sempre com um gesto de ternura com conhecidos e desconhecidos!!!! Sabe, está na hora de valorizarmos mais as nossas qualidades, as qualidades do nosso povo e não sair por aí sempre dizendo que brasileiro não presta!!! Quando passamos a ter orgulho do que somos, dos nossos pontos fortes, aprendemos a lutar para melhorar cada vez mais e, quem sabe assim, nosso povo aprende a valorizar características tão fortes em nós, como a fraternidade, o companheirismo, a ternura, a gratidão e não acreditar apenas nas características ruins?????

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s